Alfarrábio  
  :: Alfarrábio ::
Por Paulo Bicarato
 

home | e-mail | icq 267228436

Somos apenas os vazios entre os nós da rede. E estamos num grande boteco.

Paulo/Male/31-35. Lives in Brazil/São Paulo/Guaratinguetá, Vale do Paraíba, speaks Portuguese. Spends 20% of daytime online. Uses a Normal (56k) connection. And likes Cybercultura/Jornalismo.
This is my blogchalk:
Brazil, São Paulo, Guaratinguetá, Vale do Paraíba, Portuguese, Paulo, Male, 31-35, Cybercultura, Jornalismo.


Quer deixar seu recado?
Assine aqui.

Paulo Bicarato
Jornalismo, literatura, poesia e elucubrações diárias. Paulo Bicarato de peito aberto,
(ar)riscando palavras vivas ao vento.


.............

e5Cr3v1nH4çõEs


:: Especial ::

Guimarães Rosa


:: Meus artigos::

Nova Economia
WideBiz

.............



:: Arquivo::


Catraca eletrônica



on-line

terça-feira, novembro 30, 2004

:: Mosaico Vivo ::

.| 10x10 |.
http://www.tenbyten.org/
A cada uma hora, escaneia os "feeds" de três serviços noticiosos de peso --Reuters, BBC News e New York Times International News-- para deduzir quais são as as 100 palavras mais importantes do momento, em escala global.
Essas palavras são associadas a imagens correspondentes, também garimpadas nos mesmos serviços noticiosos.

[Dica do AlexJ (descrição idem), lá no Radinho]

por Bicarato | Link :6:31:00 PM |


quarta-feira, novembro 24, 2004

:: Confissão Pública ::

< modo confissão >
Neguinho tá a caminho das Índias, e devia ter levado alguma contribuição minha. Mas, por culpa exclusivamente minha, fiquei devendo essa. De qualquer maneira, tenho certeza de que o FF vai fazer bonito lá do outro lado do planeta, e de quebra ainda trazer muita informação pra dividir com a gente (mesmo que, depois dessa furada homérica, eu não mereça...)
< /modo confissão >

por Bicarato | Link :2:06:00 PM |


terça-feira, novembro 23, 2004

:: No Ritmo da Máquina do Gil ::

Copy&Paste direto do Zé Murilo (sorry, Zé... mas este post eu fui obrigado a copiar na íntegra ;-):

Pioneirismo digital brasileiro está na rede
Demorou um tanto para a galera acordar para o significado do que está acontecendo por aqui. Deu no estadão ontem:
"Parece pouco provável que o Brasil tivesse qualquer papel de destaque na revolução digital que assola o mundo, menos provável ainda que fosse liderá-la, mas foi isso mesmo que eu li na edição deste mês da revista Wired. Para quem não a conhece, Wired pode ser descrita como a bíblia dos tecnófilos. Desconfio que ela própria gosta de se ver como a revista do futuro."
Matthew Shirts - O Brasil está na vanguarda da revolução digital? - Estadão (22/11/2004)

Mas tem uma turma por aqui que está mesmo em outro ritmo. Neste último sábado (20/11) a galera dos articuladores xemelentos esteve reunida com o Ministro Gilberto Gil para demonstrar as possibilidades dos aplicativos que comporão a ilha de edição de áudio e vídeo totalmente equipada com softwares livres, os quais farão parte dos kits a serem distribuídos nos mais de 100 Pontos de Cultura do Brasil. Na cadência da exploração das infinitas possibilidades, o Ministro sacou seu violão e apresentou (canalizou?) uma composição inédita, absurdamente sintonizada com o que vai na cabeça da galera, e que já sai do forno como conteúdo licenciado pela Creative Commons. Pode ripar, mixar, samplear, queimar...

Máquina de Ritmo
(Gilberto Gil)

(baixe em mp3)

Máquina de Ritmo
tão prática tão fácil de ligar
Nada além de um bom botão
sob a leve pressão do polegar
Poder elencar um dicionário
de compassos prá você
No futuro você vai tocar
meu samba duro sem querer

Máquina de Ritmo
quem dança nessa dança digital
Será por exemplo que o meu surdo
ficará mudo afinal
Pendurado como um dinossauro
no museu do Carnaval
Se você aposta que a resposta
é sim, por Deus mande um sinal

Máquina de Ritmo
programação de sons sequenciais
Mais de 100 milhões de bambas
de escolas de samba virtuais
Virtuais, virtuosas vertentes
de variações sem fim
Daí por diante sambe avante
Já sem precisar de mim

Máquina de Ritmo
quem sabe um bom pó de pirlimpimpim
Possa deletar a dor de quem
Deixou de lado o tamborim
Apesar do seu computador
Ter samba bom samba ruim
Se aperto o botão meu coração
Há de dizer que é samba sim






Máquina de Ritmo
Processo de algoritmos padrões
Múltiplos binários, ternários
quarternários sem paixões
Colcheias, semi-colcheias
fusas, semi-fusas, sensações
Nos salões das noites cariocas
Novas tecno-ilusões

Máquina de Ritmo
que os pós-eternos hão de silenciar
Novos anjos do inferno vão
Por qualquer coisa em seu lugar
Quem sabe irão lhe trocar por um
Tal surdo mudo do museu
E Bandos da lua virão se encontrar
Numa praia toda lua cheia prá lembrar você e eu

Moreno, Domenico, Cassim
Assim meus filhos, filhos seus
E Bandos da lua virão se encontrar
Numa praia toda lua cheia prá lembrar você e eu
Só prá lembrar, só pra cantar
só prá tocar, só pra lembrar
Você e Eu.

Gilberto Gil
20/11/2004




"Esta gravação foi um marco na cultura brasileira e, por que não dizer, mundial, pois não se tinha registro, até aquele momento, de nenhuma ilha funcional de áudio e vídeo que gravasse e produzisse mídia somente através de SL e que tivesse sido aprovada pela crítica de um músico profissional. Gilberto Gil aprovou e liberou.

Parabéns a toda equipe que idealizou e formalizou o projeto dos Pontos de Cultura. São atitudes como estas que poderão resgatar o Brasil de sua crise adolescente até finalmente reencontrar-se com sua verdadeira identidade".Fabianne Balvedi - Pioneirismo digital brasileiro está na rede


por Bicarato | Link :9:43:00 PM |


quinta-feira, novembro 18, 2004

:: Com Doçura (?) ::

Armadilhas semântico-etimológicas, ou simplesmente ironia do destino? Seja lá o que for, parece mesmo é piada de mau-gosto: o nome da mulherzinha-mais-poderosa-do-planeta, Condoleezza Rice, viria da expressão italiana con dolcezza (com doçura).

E não teria nada a ver com condolência.

[Quem explica a historinha é o Sérgio Rodrigues, que completa: "Quem diria: *com doçura*. Pelo menos rima com linha-dura.]

por Bicarato | Link :2:24:00 PM |


quarta-feira, novembro 17, 2004

:: Conhecimento Livre, Mundo Livre ::

Palavras de Jimmy Wales, co-fundador da WikiPedia:
Creio que tornar o conhecimento livre muda a forma como o mundo funciona.
[...] Não creio que nenhum dos grandes pensadores seria contrário a compartilhar conhecimento. Ou, falando de outra forma, se algum dos chamados grandes filósofos fosse contra a livre divulgação do conhecimento, ele não seria um grande filósofo, afinal de contas.
Pesquei esse resumo básico do que move a filosofia Open Source nessa materinha da Folha Online: Visitante será o redator de site de notícias Wikinews, sobre o lançamento do Wikinews.

Como se não bastasse o barulho que os blogs vêm fazendo, depois dessa é que o jornalismo nunca mais será o mesmo... E eu posso dizer, com orgulho, que estou assistindo (e participando um pouquinho) dessa revolução. Com todo prazer!

Em tempo: vale a pena conferir a Wikimedia Foundation.

E mais: está aberta a votação para a escolha do logotipo do Wikinews. Confira as opções:


por Bicarato | Link :4:33:00 PM |


segunda-feira, novembro 15, 2004

:: Sorry Everybody ::

Metade dos americanos estão se desculpando pelos atos repulsivos do governo Bush... Está tudo registrado no Sorry Everybody.

E tem mais:
Michael Moore, cineasta e diretor de Fahrenheit 9/11, entrou em cena novamente. Seu site está aberto novamente e agora tem uma seção chamada "Soldier Letters". No site da HBO estão anunciando a exibição de um documentário sobre os soldados americanos e no site do Washington Post tem uma lista com as fotos dos soldados mortos e a contagem por dia.

Peguei essa lá do Hernani, que por sua vez pegou a dica do Goya.

por Bicarato | Link :12:40:00 PM |


terça-feira, novembro 09, 2004

:: Emergência [para o FF] ::

Sempre gostei da imagem de um caleidoscópio como metáfora para essa nossa diversidade: cada pedacinho de papel colorido picado não é nada, mas a mescla de centenas de papeizinhos picados forma imagens alucinantes --e nunca iguais. Lendo o Marcelo Gleiser, no Mais! do último domingo, vi esse caleidoscípio:
A Criatividade do Caos
[...] O equilíbrio aleatório entre ordem e desordem determina a sua [da vida] adaptabilidade em um mundo em constante transição.
[...] A desordem molecular tem papel crucial na variabilidade da vida. Sem ela estaríamos fadados a uma mesmice padronizada, um mundo estagnado. A vida é essencialmente resultado de criatividade anárquica.
É com essa idéia, mais o conceito que está aí no título, mais Teoria do Caos, Fractais, Física Quântica, Zen Budismo e mais alguns ingredientes, que preciso arrumar a salada toda e, enfim, escrever aquele texto que prometi há anos (!) e que o FF vira-e-mexe vem me cobrar. Escrevê-lo-ei, meu caro.
[Em tempo: como trilha sonora, Secos & Molhados]

por Bicarato | Link :2:00:00 PM |


:: Enlevo ::

Empresto do Verissimo o título desse post. Sabe-se lá por quais labirintos, caiu-me às mãos um recorte de jornal de meses atrás (ainda bem que minha mãe tem essa mania, que herdei em parte: guardar recortes de jornais velhos). Era uma crônica do Luis Fernando Verissimo, no Caderno 2 do Estadão, de 22 de julho, comentando uma palestra (aula?) do José Miguel Wisnik sobre o Guimarães Rosa, durante a Feira do Livro de Paraty. Não bastasse a aula, o Verissimo acaba fazendo uma sínteses brilhante dessa nossa condição tupiniquim:
[...] Olhei em volta e vi gente com lágrimas nos olhos. Não estava ali, exatamente, um microcosmo deste outro universo complexo atrás de bons explicadores que é o Brasil, mas não dá para desesperar de um país onde as pessoas se comovem com a inteligência.
Não há nada mais emocionante do que o talento. Não precisa ser o de um mestre ou de um tenor. Pode ser o de um camelô, ou de uma menina negra que desafia todas as fatalidades, a da gravidade e a da sua própria origem, e salta mais alto e com mais graça do que todo o mundo. Mas nosso enlevo com a palavra bem escolhida, com a habilidade mental --uma letra engenhosa do Chico Buarque, um insight (ver dentro?) do Millôr, uma exegese brilhante do Wisnik-- talvez seja uma maneira de nos consolarmos pela pobreza do resto, pela reincidente falta de talento da nossa classe política, ou classe retórica, para nos salvar da suprema burrice da desigualdade e da miséria. Até o encanto de um Guimarães Rosa tem essa conotação de compensação pela palavra inspirada da mediocridade que nos governa desde as caravelas. O talento brasileiro nos comove também pelo desperdício --tanta gente boa, tanta criatividade e discernimento, e tão pouco disso passa da palavra para a política, da poesia para o poder. Mas não desesperemos. Virá.
Sim, Verissimo. Temos a urgência de *ser* mais enlevados. Seremos.

por Bicarato | Link :1:01:00 PM |


segunda-feira, novembro 08, 2004

:: Nhambuzim em SP ::

Faz tempo que tô querendo conhecer esse pessoal. Dessa vez, acho que vou conseguir:
Grupo Nhambuzim apresenta o projeto Paisagem Cantada

Músicas inspiradas na obra de João Guimarães Rosa
www.nhambuzim.com
10/11/2004 - 22:00h
Villaggio Café: www.villaggio.com.br
Pça. Dom Orione, 298
Bixiga - São Paulo
Couvert: R$10,00
Cons. mín.: R$10,00

por Bicarato | Link :3:31:00 PM |


quinta-feira, novembro 04, 2004

:: BOBs ::

Este Alfarrábio é um dos dez finalistas do THE BOBs - BEST OF THE BLOGS / DEUTSCHE WELLE / INTERNATIONAL WEBLOG AWARDS 2004. Para entender mais:

A Decisão: Quem será o campeão dos blogueiros?

Foram escolhidos os finalistas no concurso "Deutsche Welle International Weblog Awards 2004"! Com isso, começou a fase de decisão no "The BOBs". Mais de 100 weblogs em onze categorias são agora submetidos à escolha dos usuários.

De 01/11/2004 até 05/12/2004, você pode ajudar o seu favorito a ganhar.


E o pessoal lá até que foi bastante simpático na descrição deste blog:
Alfarrábio
Jornalismo, literatura, poesia e elucubrações diárias: é como Paulo Bicarato descreve o conteúdo do seu weblog. Os assuntos são, de fato, bastante variados.
Apesar disso, a característica mais marcante deste blog é a abordagem jornalística dos temas tratados.
Se alguém achar que mereço um votinho, é só clicar aqui.

Mas eu reconheço que sou só um penetra nessa briga. Por enquanto, com todos os méritos, quem lidera a parada é o Noblat. Mas o páreo é duro, com gente do naipe do Pedro Doria e da Cora Rónai.

De qualquer maneira, fico honrado de estar entre os dez, no meio dessa turma...

P.S.: Ah! Tem prêmios não só para os blogs vencedores, mas também para quem participar da votação.

por Bicarato | Link :4:48:00 PM |


:: Busque aqui ::



::. Metá:Fora .::




GeoURL







:: Especial ::

ESQUISSOS da Dulce Dias

:: Chapada ::

CURLY da Renée & Carol


:: Wikipédia ::

Eu estou no Blog List


::
>> |
?
| #

"Ao buscar prosperidade para toda a humanidade, o reino de Chintamani Mahakala se abre diante de ti, oferecendo uma abundância de jóias que concedem desejos. Ao buscar riquezas somente para si, você compete contra todos os seres humanos." -R.S.

Inspirado no Tom-B

###

Copyleft
Paulo Bicarato
###

###
Nenhum direito reservado
###
Favor apenas manter os devidos créditos



  by NM